Parque Nacional do Grand Canyon

Onde Fica? Mapa, História, Hotéis e Dicas

0 168

Leia esse post em apenas: 5 minutos

Muitas pessoas que viajam para a cidade do pecado estão procurando outro tipo de passeio. E se você gosta de aventuras, que tal explorar o Parque Nacional do Grand Canyon? Um dos maiores parques naturais do mundo atrai milhares de visitantes de todos os cantos do mundo. 😍

São 4.926 quilômetros quadrados formados por enormes penhascos e maravilhosas paisagens que mudam de cor dependendo do horário. Por isso, prepare-se para tirar fotos incríveis durante a atração.

Preparamos um artigo especial sobre o Parque Nacional do Grand Canyon com dicas e as principais atividades do patrimônio da UNESCO. Esperamos ajudar no planejamento do seu roteiro para tornar experiência ainda mais inesquecível.

 


Onde Fica o Parque Nacional do Grand Canyon?

 

Mesmo sendo um passeio comum para turistas que viajam para Las Vegas, o Parque Nacional do Grand Canyon não fica em Nevada. Na realidade, ele fica no estado do Arizona. É mais barato comprar passagens e se locomover saindo do Brasil para a cidade do pecado.

A distância entre Las Vegas e o parque são de, aproximadamente, 450 Kms. Você tem a opção de alugar um carro, ir de ônibus, ou até mesmo fazer um tour de helicóptero. Avalie qual dessas opções se encaixa com seu estilo de viagem.

Uma informação bastante importante é que o Grand Canyon é dividido em quatro áreas: Norte, Sul, Oeste e Page. Porém, apenas a região Norte e Sul fazem parte do parque. O passeio do Skywalk, por exemplo, não faz parte do parque e precisa ser pago de maneira avulsa.

O parque possui muitos centros especiais para atender os visitantes. Neles, há restaurantes e orientações para fazer os passeios (trilhas, rafting no Rio Colorado, e visitas aos mirantes).

A parte Sul do Parque Nacional fica aberta todos os dias do ano para turistas. Mas a parte Norte apenas entre os meses de maio e outubro.

 

↳ Mapa do Parque Nacional do Grand Canyon

↳ História do Parque Nacional do Grand Canyon

O Parque Nacional do Grand Canyon foi aberto no ano de 1919. 😮. Há 100 anos, o presidente dos Estados Unidos, Theodore Roosevelt, visitou o local e ficou bastante admirado pelo local. Ele determinou que fosse montado um parque para que o local fosse sempre preservado.

Antes da ideia de parque, a população indígena que morava próximo ao Grand Canyon já fazia um trabalho para a preservação do local. Esse também é um dos motivos que a parte Oeste do Grand Canyon não faz parte do parque. Ela é uma área do povo Hualapai.

 

↳ Vegetação do Parque Nacional do Grand Canyon

Por conta do clima seco, e fica bem próximo de uma região do deserto (Las Vegas ficam em um deserto, inclusive), a vegetação do parque é predominantemente rasteira. A maior parte do Parque possui um gramado bem baixinho e poucas árvores.

Por conta disso, a nossa dica é para cada pessoa que vai ao Parque Nacional do Grand Canyon leve, pelo menos, uma garrafa de água, pois o ar é muito seco e grande parte do ano faz calor. E pode ficar tranquilo em relação a reposição, pois muitos centros de visitantes fornecem água de graça.

 


Informações Úteis do Parque Nacional do Grand Canyon

 

Há algumas informações sobre o Parque Nacional do Grand Canyon que você precisa saber antes da sua visita. Primeiro sobre o parque em si. Se você está indo de carro, precisará pagar uma taxa de US$ 35 para poder estacionar e circular dentro. Há alguns lugares que pode e não pode andar com o veículo, fique atento às sinalizações.

Nos lugares que não pode circular carro, terão os ônibus para fazer seu transporte. Fique tranquilo porque eles são de graça. Ele sai do centro de visitantes e tem muitas paradas e você é livre para ir e vir.

Se quiser começar o planejamento das visitas, de uma olhadinha no mapa do parque. Isso poderá te ajudar antes mesmo da viagem começar.

Outras informações que daremos aqui é sobre como o Grand Canyon ficou esse visual. Tudo isso foi possível graças ao Rio Colorado e a erosão das rochas que vem “esculpindo” o terreno há quase 2 bilhões de anos. Outro motivo para o grande buraco que é a região é por conta do movimento de placas tectônicas.  Mesmo assim, muitos geólogos ainda discutem todos os motivos para a formação desse lugar.

A preservação do lugar só foi possível graças aos povos indígenas que viveram na região. Muitos deles passaram anos cuidando da região e fazendo de tudo para que o crescimento populacional não atingisse o Canyon.

 

↳ Aeroporto do Parque Nacional do Grand Canyon

Para as pessoas que querem chegar ao parque de maneira mais rápida e não gastar tanto tempo na estrada, existe uma alternativa. Ela fica na pequena cidade de Tusayan. Um pequeno aeroporto que tem diariamente voos para os turistas que querem conhecer a região.

O caminho do aeroporto até a entrada do parque na entrada sul são de, aproximadamente, 11 quilômetros. Uma distância bem menor se compararmos a estrada de Las Vegas até o Canyon.

↳ Hotéis Dentro do Parque Nacional do Grand Canyon

Para aquelas pessoas querem explorar o Grand Canyon, um dia é bem pouco. O parque é muito grande e há muitos passeios para serem feitos. Pensando nesse público, foram construídos hotéis dentro do parque.

O Grand Canyon Village, que fica localizado na área sul, é praticamente um centro comercial para os visitantes do parque. Lojinhas, centro de informações e os hotéis que você pode ficar hospedado. A dica é para tentar fazer a reserva com muita antecedência, porque a concorrência por um quarto é bem grande.

Ao todo são seis opções de hotéis: El Tovar, Bright Angel Lodge, Thunderbird Lodge, Kachina Lodge, Grand Canyon Lodges e Bucky’s Cabin.

 


Dicas para Visitar o Parque Nacional do Grand Canyon

 

Esse é um dos momentos mais importantes do nosso artigo. Algumas dicas, mesmo parecendo simples, vão fazer uma grande diferença durante sua visita ao Parque Nacional do Grand Canyon. Algumas, inclusive, já foram dadas anteriormente, como água e máquina fotográfica.

  • Dica 1: Roupas Confortáveis. O passeio é para explorar a natureza, então, não se vista como se fosse para um jantar. Serão muitas trilhas e passeios.
  • Dica 2: Roupas que sequem rápido. Há passeios pelo Rio Colorado e você pode se molhar.
  • Visitas Guiadas: caso seja sua primeira vez, sugerimos que ande com um guia. O parque é muito grande e você pode acabar se perdendo.
  • Dica 3: Pouco peso na mochila. Se for carregar uma mochila, leve apenas o que for muito importante. Andar com uma mala pesada irá atrapalhar seu passeio.
  • Dica 4: Ande com o mapa. No centro de visitantes há um mapa com todas as informações sobre os passeios e lugares. Isso vai te ajudar no planejamento.
  • Dica 5: Leve um saquinho de lixo. Opasseio é pela natureza, e sujá-la não é nada legal.

Não deixe de ler nosso guia completo para visitar e passear no Grand Canyon.

 


Faça Trilhas no Parque Nacional com Internet Ilimitada

 

As trilhas e os passeios no Parque Nacional do Grand Canyon são maravilhosos. Grave, tire muitas fotos e compartilhe com todos os amigos.

Você já conhece o chip internacional Easysim4u? Nós listamos em detalhes tudo o que você precisa saber sobre a Easysim4u: planos, como funciona, qual a cobertura, onde encontrar e muito mais.

A ideia é informar e dar dicas de como economizar com chip de celular internacional em sua viagem. E, de quebra, garantir o seu chip com desconto. Se preferir, você pode aproveitar e comprar seu chip com cupom de desconto agora! 😉

 

NÃO DEIXE DE GARANTIR 15% OFF EM SEU CHIP EASYSIM4U

 

 

– – – – – – – – – – –

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos ou mande novas sugestões, pois ficaremos felizes em escrever novos conteúdos para você.

Siga-nos nas redes sociais. 😉

Fonte Pontos Turísticos Grand Canyon Passeios & Tours
Através da O Que Fazer em Las Vegas
você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.